A Pantest, empresa de Oliveira de Frades, certificada pelo Infarmed para produzir testes rápidos à covid-19, está com uma produção diária de cerca de 50 mil unidades e prevê reforçar a produção até ao Carnaval.

A diretora Catarina Almeida, adianta que a empresa tem estado a responder à procura, embora registe uma ligeira diminuição nesta altura, em comparação com Natal e Fim de Ano. A elevada procura em Portugal nesse período levou a empresa a suspender as exportações, estando a produzir exclusivamente para o mercado nacional. A expectativa é que no Carnaval a procura volte a aumentar e a Pantest quer por isso manter a capacidade produtiva que tem nesta altura, e que segundo os responsáveis pela empresa vai permitir reforçar o stock de testes para a covid-19.

Embora a licença do Infarmed permita desenvolver testes PCR, a empresa concentrou-se apenas na produção de testes rápidos de antigénio, para os quais a procura tem sido elevada.

Quanto às exportações, Catarina Almeida o mercado italiano e o espanhol são dois que a Pantest vai explorar em 2022.

Esta e outras notícias para ouvir na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.

PubVisar