O Tondela foi notificado pela Federação Portuguesa de Futebol que o impedimento de contratar novos jogadores é extensivo aos escalões de formação, e assim o clube viu-se já obrigado a fazer retornar a casa alguns jovens que haviam chegado para as equipas de juniores e juvenis.

São ainda os efeitos do chamado ‘caso Khacef’ em que a FIFA considerou que o atleta rescindiu sem justa causa com o seu anterior clube, na Argélia, para ser contratado pelo Tondela, e assim decidiu fechar as duas janelas de transferências aos ‘auriverdes’ para a temporada 2022/23, esta primeira até 01 de setembro e a segunda em janeiro, com o órgão que gere o futebol mundial a considerar que não há distinção entre clube e SAD e assim a punição é extensível também às equipas de formação.

Todas as contratações realizadas estes verão para o Futebol de Formação ficaram sem efeito.

Esta e outras notícias para ouvir na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.

PubAuchan