O Município de Lamego está a promover um programa social de ajuda alimentar às famílias mais carenciadas do concelho.

Está a chegar a 358 munícipes que recebem, todos os meses, cabazes compostos por bens alimentares, que integram uma dieta nutricional elaborada pela Direção-Geral de Saúde, pode ler-se na nota de imprensa da autarquia.

O Programa Operacional de Apoio às Pessoas Mais Carenciadas (PO APMC) visa, com a sua atividade, diminuir as situações de vulnerabilidade que colocam em risco a integração das pessoas e dos agregados familiares mais frágeis, reforçando as respostas das políticas públicas existentes, e em Lamego é a autarquia a entidade coordenadora, com a Santa Casa da Misericórdia, o Centro Diocesano de Promoção Social e o Centro Social e Paroquial de Ferreirim como entidades mediadoras.

Esta e outras notícias para ouvir na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.

PubAuchan