A Câmara Municipal de Moimenta da Beira e a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) assinaram um protocolo que viabiliza 190 mil euros para investimentos que ajudem a minimizar os impactos da seca no concelho.

O protocolo prevê colaboração técnica e financeira à autarquia, que permite investir em intervenções de emergência para minimizar os impactos da seca severa no concelho de Moimenta da Beira e eu passam, entre outras, pela instalação de um sistema de gestão e monitorização das captações, reservatórios e redes e ainda na aquisição e instalação de válvulas redutoras de pressão, que permitirão diminuir desperdícios de água.

Segundo o autarca Paulo Figueiredo, a câmara de Moimenta da Beira vai ainda investir na compra de um camião-cisterna usado, para transporte de água de abastecimento às populações, e de uma máquina míni giratória para apoio na reparação de roturas de água.

Esta e outras notícias para ouvir na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm

PubAuchan