Mortágua mantém-se no Rali de Portugal, com uma classificativa logo no primeiro dia.

O ACP apresentou o programa para a edição 55 do Rali, quarta prova do Mundial de 2022, este ano entre 19 e 22 de maio que marca a estreia dos carros híbridos em pisos de terra, num percurso com três superespeciais, em Coimbra, Lousada e Porto, num total de 22 classificativas com 343,3 km cronometrados.

O Rali de Portugal volta a ser disputado no centro e norte do país, com as primeiras classificativas agendadas para dia 20 de maio, com a manhã a reservar duas passagens nos troços da Lousã, Góis e Arganil.

Durante a tarde o Rali de Portugal passa pela classificativa de Mortágua, com uma distância de 18,16 km, para fechar o primeiro dia na Superespecial de Lousada.

No sábado dia 21 de maio, o Rali de Portugal ruma ao norte, com as duplas passagens pelas classificativas de Vieira do Minho, Cabeceiras de Basto e Amarante, para terminar com a superespecial do Porto.

O último dia do rali contempla as ‘especiais’ de Felgueiras, Montim e Fafe, com a segunda passagem pelo troço de Fafe com o estatuto de ‘power stage’.

Esta e outras notícias para ouvir na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.

PubAuchan