A Ecopista do Vouga estará concluída em outubro, revelou hoje o presidente da Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões, Fernando Ruas, numa visita às obras, em Oliveira de Frades.

“Em outubro, pensamos estar concluída”, disse Fernando Ruas, lembrando que a via será potenciada com a ligação à Ecopista do Dão, já concluída, entre Viseu, Tondela e Santa Comba Dão.

O concelhos de Oliveira de Frades tem 27 dos 63 quilómetros da Ecopista do Vouga, com o presidente da CIM Viseu Dão Lafões a lembrar que o objetivo passo por “mais tarde, ligar à zona do Mondego, o que significa que podemos ficar com uma estrutura que sai do litoral, avança pelo interior e volta ao litoral. Pensamos que isso pode ser muito apelativo para quem se dedica a este tipo de desporto da natureza”, defendeu.

É um investimento global “superior a 3 milhões de euros” embora com um piso diferente do da Ecopista do Dão, já que não é alcatroada, mas Fernando Ruas disse que “há quem defenda este tipo de piso como muito mais saudável”, embora tenha reconhecido que foi por “uma limitação orçamental”.

Fernando Ruas acrescentou que com a Ecopista do Vouga, a Ecopista do Dão e a futura ciclovia, a zona Centro fica com uma estrutura que “pode ser uma alavanca ao desenvolvimento”.

“Esta tem uma outra potencialidade, que é a requalificação da Estrada Nacional (EN) 16, à semelhança do que se fez na EN2”, disse.

Para terminar esta ciclovia “falta a ligação à Ecopista do Dão”, na Avenida da Europa, junto ao tribunal, devido a “constrangimentos com partes da via”, adiantou o autarca viseense.

“Durante muito tempo isto esteve abandonado, as pessoas foram tomando posse e agora libertar esses terrenos é difícil, porque há ocupações que têm alguma duração e as pessoas sentem uma certa legitimidade. Mas já tratámos desses obstáculos”, justificou Fernando Ruas.

Quanto ao presidente da Câmara Municipal de Oliveira de Frades, João Valério, considerou que a Ecopista do Vouga “representa um forte investimento no turismo” do concelho e “insere-se na política de desporto aventura e desporto natureza que os executivos têm vindo a implementar” no território.

Presentes estiveram também os autarcas dois dois outros concelhos abrangidos pela Ecopista do Vouga: São Pedro do Sul (Vítor Figueiredo) e Vouzela (Rui Ladeira), que já têm prontos os seus quilómetros da via, com três e sete quilómetros, respetivamente.

Esta e outras notícias para ouvir na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.

PubAuchan