Carla Antunes, presidente em substituição na Câmara de Tondela

Carla Antunes Borges, assumiu as funções de presidente da Câmara de Tondela, na sequência do pedido de suspensão de mandato, por 180 dias por parte, de José António Jesus.

A ex-deputada do PSD, e vice-presidente na autarquia, assume que pretende desenvolver “um projeto de continuidade” em Tondela, e sem alterações aos objetivos já definidos para o concelho.

A agora presidente, em substituição, explicou que se manterão como prioridades “o desenvolvimento económico, as questões ambientais, a captação de investimento, a fixação de pessoas e o bem-estar social e económico”, lembrando que foram os eixos de desenvolvimento defendidos pelo PSD durante a campanha.

Enquanto ocupar o cargo de presidente, Carla Antunes Borges pretende “dar continuidade às grandes obras que estão a decorrer, como a ampliação das zonas industriais e a conclusão do centro tecnológico”.

José António de Jesus pediu a suspensão do mandato por 180 dias, depois de, em 26 de novembro de 2021, o Tribunal de Viseu o ter condenado a cinco anos de prisão, com pensa suspensa, e perda de mandato, por um crime de peculato e dois de falsificação de documento.

O autarca recorreu da sentença, mas decidiu suspender o mandato por 180 dias.

O cargo de vice-presidente que Carla Antunes Borges exercia é agora ocupado pelo vereador João Carlos Figueiredo.

Esta e outras notícias para ouvir na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.

PubAuchan